Blog

Home
Home office permanente: por que aderimos?
Notícias

Home office permanente: por que aderimos?

compartilhe

Neste artigo, gostaria de apresentar brevemente como foi 2020 para o time da Labsoft e quais resultados nos levaram a tornar um modelo de trabalho inicialmente temporário, instaurado em meados de março (leia mais em Como a Labsoft se adaptou à quarentena), em um formato definitivo.

Um paradoxo de sentimentos

O ano de 2020 nos trouxe um paradoxo de sentimentos: ao mesmo tempo que nos sentíamos tristes e temerosos pela situação da pandemia, que alcançava proporções mundiais, nos sentíamos também animados, como corporação, por saber que poderíamos tomar ações que trouxessem segurança e bem estar aos nossos colaboradores, mantendo a empresa em pleno funcionamento e preservando nosso time dos possíveis impactos dessa crise, tanto na esfera da saúde como da economia, preservando o emprego e a fonte de renda de nossa equipe.

Nossa transformação digital

Nesse contexto, nasceu a ideia de trabalharmos em home office provisoriamente. Foram 8 meses de trabalho em casa, onde vivenciamos intensamente a experiência de se reinventar profissionalmente, adaptar os nossos processos presenciais, desenvolver um novo modelo de comunicação remota, com o desafio de manter nossa produtividade e ao mesmo tempo enfrentar o momento ímpar de isolamento social em nossas casas. Foi assim que a Labsoft passou de forma prática por uma grande transformação digital.

Os resultados surpreenderam

Os resultados, de todo esse esforço da Labsoft e do nosso time, não poderiam ser melhores:

  • Conseguimos desenvolver um modelo de trabalho em home office bastante orgânico, que pode ser percebido desde as primeiras semanas da transição;
  • Realizamos uma grande mudança em nossos processos, trazendo mais organização e segurança para todos;
  • Estabelecemos metas de produtividade, que nos deram resultados positivos graças ao engajamento dos nossos times;
  • Percebemos que a motivação da nossa equipe aumentou devido ao conforto de trabalhar em casa, a segurança em meio a pandemia, o tempo de qualidade com família, o tempo para atividades físicas e a alimentação saudável;
  • Houve redução das despesas para a empresa e para os colaboradores (transporte, alimentação, entre outros);

Com isso, nossa diretoria consultou as opiniões de todos os nossos colaboradores, seguida de ampla discussão e avaliação dos prós e contras dessa decisão. Foi quando, em meados de final de outubro, tomamos a decisão de aderir o home office permanentemente na Labsoft.

Um novo espaço para coworking

Mesmo com a mudança, mantivemos uma parte de nosso escritório ativa, com o objetivo de continuar recebendo nossos clientes para treinamentos e reuniões. No entanto, realizamos várias adaptações para transformar este espaço em um ambiente de coworking, com foco na integração dos times, reuniões para interação e até mesmo a utilização dos colaboradores quando necessário.

O desafio da nossa liderança

Após todo esse processo de migração para home office, nossa adaptação e transformação digital, entendemos que ainda possuímos desafios pela frente. Já iniciamos o planejamento das nossas ações das áreas técnica, RH e endomarketing com o objetivo de manter a nossa produtividade, melhorar nossa qualidade e atender as expectativas que esse novo normal poderá demandar no futuro.

Estamos muito animados com a notícia da mudança e sabemos que com dedicação e esforço da parte de todos, continuaremos fortes em nossa missão de tornar os produtos que consumimos melhores e mais seguros.

Dados do Autor:

Alex Andrade
Diretor Operacional
Labsoft Tecnologia
Gostou? Compartilhe este artigo!

Receba conteúdos exclusivos

sobre gestão laboratorial, controle de qualidade industrial, saneamento, tendências e tecnologia no seu e-mail.

Mais lidos

Blog

Transcrição manual de dados nunca mais!

LEIA MAIS
Blog

Estratégias para Agilizar o Projeto de Aquisição de um LIMS

LEIA MAIS
Blog, Controle de Qualidade, Laboratorios, Saneamento e meio ambiente

Tudo o que você precisa saber sobre ELN

LEIA MAIS

Artigos relacionados